domingo, 6 de janeiro de 2013

Cidade das cinzas - Cassandra Clare


Oi gente! Tudo bom?
Tá, eu sei que já saiu de moda, mas só agora eu tive a chance de ler, então vamos da um crédito neh?! =D
Dessa vez preciso começar dizendo que esse livro é continuação de Cidade dos ossos, então ele deve conter spoiler na resenha, ou seja, quem não leu o primeiro aconselho a não ler essa postagem, a não ser que você (assim como eu) não resista a uma boa fofoca spoiler.

Bom vamos começar dizendo o quanto Cidade dos ossos termina de forma absurdamente fantástica, que me fez enlouquecer até conseguir ler os próximos livros, mas pena que esse sentimento não tenha continuado. Vamos com muita calma nessa hora.
Quando cidade dos ossos termina a mãe de Clary está muito doente, ela e Jace estão confusos com seus sentimento, Valentim conseguiu roubar o primeiro instrumento mortal... A cidade de vidro começa com a busca incansável de Valentim pelos outros instrumentos mortais. Jace passa a ser o principal suspeito de estar ajudando seu pai nessa procura, sendo então perseguido pela Clave e principalmente pela Inquisidora por mexer com questões pessoais. Toda essa cisma com Jace faz ele e seus amigos se unirem ainda mais na busca de explicações sobre tudo que está acontecendo e meios de saber como combater um possível ataque de Valentim. Clary, Simon, Jace, Alec e Isabelle passam por várias situações em todo esse tempo, principalmente Simon que passa a sofrer de um pequeno probleminha eterno.
Jace e Clary descobrem que são muito mais do simples nephilim, que possuem habilidades não comuns para o seu povo. E essas habilidades são testadas a cada luta e mais ainda nas batalhas contra o pai deles. Não podemos esquecer da eterna ajuda de Luke e Magnus em todos esses momentos tentando colocar juízo na cabeça desses jovens.

Admito que eu achei esse livro bem cansativo. Eu li rapidamente, mas não foi tão prazeroso assim. Inicialmente eu tinha gostado muito da Clary, mas hoje eu já não suporto nem que o nome dela esteja escrito no papel. Alec e Simon para mim são ótimos personagens e Jace é claro. Na verdade gosto de todos os personagens, até Valentim é mais legal que a Clary, meu problema é só com ela mesmo. Os diálogos são bem engraçados e rápidos, mas eu senti um quê de enrolação na história. Já comecei a ler Cidade de vidro e não vejo a hora de terminar logo. Prometo vir resenhar aqui também se der tempo. Como eu disse na minha outra resenha (ou acho que disse), para quem é fã de Harry Potter vai gostar dessa série. Não dá para comparar, é claro, mas vai gostar.
O primeiro filme da série será lançado esse ano de 2013, vou colocar o trailer para vocês já irem se animando.
Espero que gostem.
Nota: 8 de 10
beijo!





13 comentários:

  1. O segundo livro é bem chatinho mesmo! O terceiro é bem melhor, já que eles estão em Idris e tal!
    Muito me entristece saber que você não aguenta mais ver o nome da Clary, já que, sabe como é, eu compartilho o mesmo nome dela! rs
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ehehehhehe
      mas vc eh uma clary diferente gata ;)

      Excluir
  2. Oi!
    Feliz 2013 pra você também! \o/
    Eu não li essa série e sinceramente, não tenho mais vontade de ler. Eu já tive mais vontade, mas 1: sua resenha me desanimou um pouco pois odeio personagens chatas e 2: agora tem filme, e vou vê-lo ao invés de ler o livro, porque a lista de leitura tá enorme!
    Obs: obrigada por me desanimar mesmo, porque a minha fila de leitura NÃO PODE aumentar, hahaha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Ei, Cidade das cinzas pra mim é um livro chatinho também pois tem muita enrolação, eu só gosto dele por causa do Simon haha mas o cidade de vidro é um dos melhores então vale a pena ler cidade das cinzas pra poder ler cidade de vidro porque é simplesmente fantástico!
    Eu amo a coleção dos instrumentos mortais
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Confesso que o livro não me despertou interesse, não só ele como a série inteira. Mas também não é o tipo de livro que costumo ler, só li mesmo porque já tinha comprado. Eu achei os personagens meio chatos, principalmente o protagonista, Jace. O único personagem que gostei de verdade foi da Isabele. A história não é tão ruim, mas enfim, dou 3 estrelas ao livro, e não me animei em comprar o terceiro '-'

    ResponderExcluir
  5. "O primeiro não foi tão ruim, mas este eu achei muito previsível e comprido demais para tão pouca história. Digo, se você for muito fã de livros de fantasia e/ou não tiver mais de treze anos, é provável que goste. Mas eu não o recomendaria para alguém que não se encaixasse nesse perfil. Senti, durante o livro inteiro, que já sabia o que estaria para acontecer e mesmo assim nada acontecia, pois, aparentemente, adiaram tudo para o próximo livro. Para mim, foi uma perca de tempo."

    Abraço,

    ResponderExcluir
  6. Eu sou muito fã da série, então sou meio suspeita para falar, mas concordo que teve um pouco de enrolação. Entretanto, eles explicam muita coisa do passado do Jace e da Clary, e se você ler com atenção, começa a desconfiar de umas coisas (mas não vou nem comentar muito pra não acabar dando spoiler). Além do que ele vai abrindo caminho pro Cidade de Vidro, que é maravilhoso!
    A Clary me irritou nesse livro também, mas não tenho tantos problemas com ela como você, haha.
    Seu blog é ótimo, parabéns!

    Beijoos ;*
    -Bia.

    ResponderExcluir
  7. Olá, Raissa, tudo bem?
    Vi seu recado lá no scoob e vim deixar meu comment!

    Estou amando a série, mas tenho que concordar que o segundo livro foi bem cansativo e eu comecei a ler com aquela euforia por conta do primeiro livro que termina fantasticamente!!!

    Também gosto de todos os personagens, mas minha paixão é mesmo pelo Jace, porque ele num é um personagem que você começa a gostar no decorrer da história (pelo menos pra mim) ele é um personagem apaixonante desde seus primeiros diálogos. Agora a Clary, até que ela tem um Q de atitude comparando com protagonistas de outros livros nesse estilo, mas acho q ela perde muitas oportunidades de ficar quieta e num contar tudo pra todo mundo! kkkkk

    Super gostei do seu blog!
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá! Vi seu reacado no Skoob - e vim fazer uma visita!
    Agora a respeito do livro tenho uma teoria: Todo o segundo livro de uma série é ENTEDIANTE, e óbvio Cidade das Cinzas não foi deixada de lado.
    Assim como você li o livro rapidamente e não obtive uma leitura prazerosa, mas se você ler o Terceiro livro "Cidade de Vidro" toda a sua perspectiva sobre o quão o livro vale a pena ser lido volta novamente (pelo ou menos na minha opiniao).

    Hugs... e Parabéns seu blog é ótimo! xD

    ResponderExcluir
  9. Eu sou realmente suspeita ao flar dos Instrumentos Mortais.
    Acho q Cidade das Cinzas é assim, tão "rejeitado", pois todas queremos Clary e Jace juntos! é uma tensão excruciante! Mas, porém, devemos afirmar que a Clary tem um jeito muito infantil e, claramente nao sabe lidar cm a situação de modo correto. No segundo livro, a melhor pt é a da "Corte Seelie", que, vamos combinar, deixa todos mt felizes #HAHA.
    BJBJ!

    ResponderExcluir
  10. Olá, como eu prometi ,estou dando uma passadinha rápida aqui no seu blog (porque eu tô meio que sem tempo!).
    Bom, eu amooo essa série e amo a "Queen Cassie" ... mas realmente esse segundo livro não foi tão bom comparado aos outros, fora isso eu gostei do livro e recomendo sim !! :)... E convenhamos, esse parte da Corte Seelie foi muiiiito "HOOOOOT" ( Adoroooooo, kkkkkkkkk).
    - Thayna Melo :*

    ResponderExcluir
  11. concordo com a bianca, tem umas partes que eh entendiante mas mesmo assim consegui devorar ele em uma tarde, gostei tanto da serie que li os tres primeiros livros em um final de semana e ainda queria muito mais!

    ResponderExcluir
  12. oi :) olha li já faz um tempo e não me lembro muito do que acontece.Eu gostei muito do livro ele é mais agitado que o primeiro,muito legal que o foco não foi só na Clary e contar mais a respeito de Jace,não gostei muito da ideia de Clary e Jace serem irmãos e ela ter um casinho com Simon.
    Bem legal a Clary descobrindo suas habilidades e o mundo dos caçadores de sombra, gostei de como eles também deram mais importância a outros personagens nesse livro e principalmente ver o relacionamento de Alec e Magnus Bane, bem melhor o Simon como vampiro ( mas não gosto muito dele). A serie instrumentos mortais é perfeita, você já viu o trailer do filme?

    ResponderExcluir